Radiolusitano

@Radiolusitano@
 
InícioPortalCalendárioGaleriaFAQBuscarRegistrar-seMembrosGruposConectar-se

Compartilhe | 
 

 A Anália

Ir em baixo 
AutorMensagem
mariana
Administradora
Administradora
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 377
Idade : 46
<font color=#FF0000>Apresentação</font> :
Data de inscrição : 09/12/2007

MensagemAssunto: A Anália   Qua 12 Dez 2007 - 18:30

A Anália

Salve dia d'amor sempre jucundo!
Anália encantadora
Nesta risonha aurora
Para me aventurar vieste ao mundo.

Quando assomar no apavonado oriente
Amor te viu fagueiro,
As frechas prazenteiro
Aguçou, e sorriu todo contente:

Fugiu da mãe aos amorosos braços,
E em teu rosto divino
Depor foi, de contino,
Encantos, filtros e amorosos laços.

Assim me enfeitiçaste! - assim rendida
Trago alma e coração,
Que, sem esta prisão,
Nem eu já sei viver nem quero a vida.

Anália, amado bem, tão fausto dia
Celebremos contentes;
E as flores inocentes
Colhamos desta vida fugidia:

O tempo voa, as horas despedidas
Tão ligeiras decorrem,
Murcham tão breve e morrem
Rosas que do prazer não são colhidas!...

Almeida Garrett
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
A Anália
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Radiolusitano :: Poesia Portuguesa-
Ir para: